Second Level: Make Strangers Laugh | Contacto: manel.cardoso_94@hotmail.com

Contactos
30
Jun 08

...nunca li nenhum dos autores no último post referido, tirando seis entediantes páginas de Cartas de Inglaterra, há uns meses - hoje talvez lesse nove.(*dizendo e sublinhando isto a proteger a cabeça de levar com uma moca de Rio Maior*). Despeço-me. Vou para a cama ler Sue Townsend (autora do best seller Diário Secreto de Adrian Mole e 3/4, entre outros), autora de bastante divertida literatura.

mas o que é isto? sabem que raio de besta escreveu isto? Manuel Cardoso às 23:54

As notas da escola, se não chegaram, estão a chegar às nossas casas. Aluno, se para o ano queres ter BOAS NOTAS A PORTUGUÊS, admira esta minha invenção!

PALEIO PARA CONQUISTAR A CONSIDERAÇÃO DE UM DOCENTE DE PORTUGUÊS:

1 - Oh professora, eu realmente nem tenho uma Memória De Elefante, mas acho que Ontem Não Te Vi Em Babilónia! Peço desculpa por tratá-la por tu, mas parece que a minha cabeça está a inverter A Ordem Natural Das Coisas. Se isto continuar Eu Hei-de Amar Uma Pedra, na volta.
E professora, não sabe o que me aconteceu ontem! Às dez e meia eu queria sair, mas a minha mãe disse-me “Não Entres Tão Depressa Nessa Noite Escura” e eu: “Qual quê!” e saio disparado pela porta, a grande velocidade, que parecia um Citroën AX. E é nessa altura que eu vou contra uns gabirus que me perguntaram “Quem é que pensas que és? Tu tens nome?” e eu “O Meu Nome É Legião” e os indivíduos, danados, disseram que me iam matar e tiraram do bolso o Manual dos Inquisidores para ver como é que me iam por a patinar. Decidiram pegar-me fogo e pensei eu “Que Farei Quando Tudo Arde?” e faleço. É nessa altura que eu tomo Conhecimento do Inferno e pus em causa o Esplendor de Portugal, já que pereci sem dizer Boa Tarde Ás Coisas Aqui Em Baixo.

2 – Oh professora, já alguma vez lhe contei sobre o meu Primo Basílio? Não. Pois bem. O meu primo foi viver para Bristol, onde foi aprender O Mandarim, para comunicar melhor com os da sucursal da Alves & Companhia em Xangai, e mandou Cartas de Inglaterra! Essas cartas são muito engraçadas na medida em que são Correspondência que, para além do palavreado todo, contém um’A Relíquia de ouro que foi feita lá pelos, não sei se Os Maias ou os Incas, não sei bem.
Sabe uma coisa? A Capital do Burundi é Bujumbura! Sou incrivelmente culto, não sou? E também fui eu que resolvi o Mistério da Estrada de Sintra! Era simplicíssimo: um gajo qualquer começou a andar em contramão no IC19 e matou uma velha, era um tal empregado d’A Ilustre Casa de Ramires, que é um restaurante de marisco ali no número um da Almirante Reis, não é?
- Não, esse é "O Ramiro".
- Pronto, não interessa. Não me sabe dizer quantos são dez contos em Notas Contemporâneas?
- Cerca de cinquenta euros.
- Obrigado. Sabe da última fofoca? Olhe sabe d’O Crime do Padre Amaro? A raça do padre começou a ler a Correspondência de Fradique Mendes, aquele que trabalha nas Minas de Salomão! Maroto do padre! E olhe tenho andado a ler muito e já vou nas Últimas Páginas de um livro, embora de certeza que deixei algumas Páginas Esquecidas pelo caminho, para despachar.

3- Eu fiquei felicíssimo n’O Ano da Morte de Ricardo Reis. Ele quando me via chamava-me Todos os Nomes que lhe vinham à cabeça: palhaço, bardamerda, mentecapto e coisas assim.

mas o que é isto? sabem que raio de besta escreveu isto? Manuel Cardoso às 23:38

27
Jun 08

Apenas me apraz dizer sobre Londres, onde passei os últimos dias, um adjectivo: gostei. De Piccadily Circus, Trafalgar Square, Leicester Square, Tate Modern, Madame Tussaud’s Oxford, Baker, Carnaby e tantas outras “streets”.
Diagnostio a grave doença de Gentlemania, Ladies incluídas, à população inglesa que nos recebe em cada loja com um “hi!”, em vez do nosso – várias vezes semelhante a um bocejo – “Diga.”; que sabe o caminho para todo o lado e, vendo-nos aflitos para encontrar uma Tate Modern, nos pergunta para onde nós queremos ir, indicando-nos como ir para o museu sem nós termos pedido nada – já agora, faço aqui a comparação com Portugal, em que se nós perguntamos a alguém na rua onde é determinado local o nosso interlocutor, respondendo educadamente mas não fazendo a mínima ideia onde é que é esse local, dá um palpite, do qual está inteiramente seguro, por vezes levando-nos a locais a quilómetros do nosso objectivo (teoria pelo meu pai a mim ensinada) e também há o caso dos taxistas que nunca fazem a mínima ideia onde é tal sítio, contrariamente aos homólogos ingleses que são obrigados a fazer um curso para que saibam onde ficam todas as ruas (o que faz também com que os taxímetros de Londres não parem no mesmo valor durante mais de cinco segundos – uma corrida Trafalgar Square – Cromwell Road - Earl’s Court (cerca de quatro quilómetros e meio) deu uma generosa quantia de £16 (€20,22).
Podia ficar aqui vários minutos a escrever sobre Londres, mas não me apetece, logo despeço-me aqui.

mas o que é isto? sabem que raio de besta escreveu isto? Manuel Cardoso às 20:28

01
Jun 08

Arranjado tempo, finalmente vos volto a escrever. Conto-vos que hoje fui adquirir uma viatura para meu uso. Comprei um Citroën AX de 1992, por 800€, ao Gilberto. O Gilberto é o traficante da zona. De tudo. Vende imensos tipos de droga, vende cigarros a miúdos que não os podem comprar, vende armas, vende carros e rouba qualquer um que encontre. Eu pela minha cara de mete-nojo, já fui assaltado por ele umas 32 vezes. O Citroën AX que acabo de adquirir é o terceiro desde que cheguei a Amareleja. Mas pronto, alguém ficou sem o seu Citroën AX e eu ganhei um. E decidi que lhe vou pagar 120 euros por mês, mais os bilhetes do autocarro, para que ele me dê protecção.

Isso agora não interessa, o que interessa é que o AX é uma bomba, tanto é que eu, grande acelera, já bati com ele na vedação da herdade do Senhor Oliveirinha. Lá vou eu a 60Km/h e bato contra as madeiras, partindo-as, o que levou à fuga de 12 vacas. Veio disparada a Sra Oliveirinha dizendo: "Oh seu c*r*l*o! Mas o que é que você fez, meu grande filho da p*t*! C*b*õ*e* dos p*n*l*i*o* da cidade e o c*r*l*o! Vai pagar as vacas uma por uma, e a cerca também, seu c*r*l*o!". Os Oliveirinha são do Minho, caso contrário a Sra. Oliveirinha não teria vindo disparada, mas a passo. Depois disto estou falido. Se calhar terei de me juntar ao Gilberto na delinquência. Até um dia destes.

Alcides Junqueira

mas o que é isto? sabem que raio de besta escreveu isto? Manuel Cardoso às 17:34

Fale nesta janela de conversação, amigo!

Get your own Chat Box! Go Large!
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
Junho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
28

29


PNET Humor
Actuações no Passado
Mais Sobre Esta Patética Figura A Que Resolveram Chamar Manuel Cardoso, Nome Que Não É Grande Coisa, Mas Que É Melhor Que Luís António Cardoso - Nome Posto Em Cima da Mesa No Processo de Escolha Onomástica
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO